Quinta-feira, Fevereiro 22, 2024

Acção Sindical

ADSE – Lista B vence eleições para CGS

A lista B, apoiada pela FENPROF, pelo SPRA e por outras organizações sindicais de trabalhadores da Administração Pública, venceu as eleições para o Conselho...

GREVE DO DIA 18 DE NOVEMBRO

NOTA INFORMATIVA A Direção do Sindicato dos Professores da Região Açores saúda todos os trabalhadores que contribuíram para que a greve deste dia fosse um...

ADSE: SPRA/FENPROF apelam ao voto na Lista B

https://www.youtube.com/watch?v=2Up_gsf6Ht0&t=32s A Lista B, candidata ao Conselho Geral e de Supervisão, o conselho dos representantes dos trabalhadores, é aquela que defende, verdadeiramente, os interesses dos...

Salários, Aposentação, Carreira, Valorização, Respeito! Greve 18 de novembro!

No dia 18 de novembro, 6.ª feira, haverá Greve Nacional de Professores e Educadores! Ao aderir à Greve, exigimos: Aumentos salariais justos, que compensem a inflação...

FENPROF e CNEF assinaram, no dia 26 de outubro, a ata final de negociação com Acordo para um novo CCT, com efeitos a 1...

Realizou-se, dia 26 de outubro, no âmbito do processo de conciliação na DGERT, a última reunião de negociação entre a FENPROF e a CNEF, tendo...

Plenários Sindicais – out/nov 2022

Participa nos Plenários promovidos pelo SPRA. Ver calendarização.

FENPROF promove 3ª Conferência Nacional de Docentes Aposentados

No próximo dia 29 de novembro, a FENPROF vai realizar, em Lisboa, a 3ª Conferência Nacional de Docentes Aposentados sob o lema “Um Envelhecimento...

SPRA faz o balanço do arranque do ano letivo nos Açores – notícia da RTP/Açores

Relativamente ao arranque do ano letivo nos Açores, verificam-se diferenças substantivas entre o discurso político e a realidade, nomeadamente na implementação dos manuais digitais, nos recursos humanos e na manutenção e aquisição de equipamentos.

Diferenças substantivas entre o discurso político e a realidade marcam o arranque do ano letivo de 2022/2023 nos Açores

Relativamente ao arranque do ano letivo nos Açores, verificam-se diferenças substantivas entre o discurso político e a realidade, nomeadamente na implementação dos manuais digitais, nos recursos humanos e na manutenção e aquisição de equipamentos.

Em destaque