Sábado, Janeiro 22, 2022
InícioInformação GeralSala de Destaques no Museu de Angra

Sala de Destaques no Museu de Angra

Novas peças ou objectos com interesse histórico ou de outra índole que já faziam parte do acervo do Museu de Angra do Heroísmo podem ser vistas, desde meados do ano passado, na Sala de Destaques daquela instituição, uma espécie de antecâmara das reservas do Museu, a funcionar no horário normal.

No grupo de peças que agora se disponibiliza, o visitante encontra a obra Celebração da Terra ? III de José Nuno da Câmara Pereira, uma porta de sacrário pintada a têmpera e ouro brunido de autor desconhecido e lavas submarinas (pedaço de um balão que surgiu à superfície) proveniente da erupção submarina ocorrida ao largo da Serreta, na ilha Terceira, entre 1998 e 2001.

Em exposição está, também, uma Mestra de Aferição, uma caixa em madeira, com acabamento interior em camurça, que se destinava a transportar conjuntos de medidas de capacidade, medidas de peso e acessórios complementares, para aferição de pesos e medidas existentes em estabelecimentos industriais e comerciais. Esta Mestra de Aferição pertenceu à antiga Direcção dos Serviços Industriais, Eléctricos e de Viação, da extinta Junta Geral do Distrito Autónomo de Angra do Heroísmo.

Entre os componentes expostos encontram-se, também, um conjunto de pesos padrão em latão fundido e moldado, com núcleo de chumbo; rasouras em vidro (discos destinados a cobrir as medidas de capacidade durante as verificações); um tripé em latão que se destinava a garantir a horizontalidade das medidas de capacidade durante as verificações e um suporte para medidas de capacidade em cortiça, para bloquear qualquer movimento brusco das diversas medidas durante o transporte, dentro da mestra.

O interesse de cada peça e a diversidade que se pretende oferecer ao público ditou a escolha do conjunto agora apresentado, reforçando a natureza da sala que o acolhe. O carácter temporário das mostras apresentadas na Sala de Destaques permite uma visita frequente mas renovada ao Museu de Angra do Heroísmo.

As mostras apresentadas na Sala de Destaques daquele organismo externo da Direcção Regional da Cultura da Presidência do Governo têm uma duração média de seis meses, sem que esse prazo seja vinculativo.

Mais artigos