GRA1

 

NOTA DE IMPRENSA

  

Hoje, dia 21 de novembro, o Sindicato dos Professores da Região Açores reuniu, a seu pedido e na sequência do abaixo-assinado entregue a 27 de outubro, com o Presidente do Governo Regional. Em causa, estava o descongelamento da carreira e a recuperação dos sete anos de tempo de serviço docente congelados, entre 2011 e 2017, e a proposta desta estrutura sindical de encetar um processo negocial com o Governo Regional de forma autónoma relativamente ao processo nacional.

 

Por parte do Governo Regional, na pessoa do seu Presidente, foi manifestada a indisponibilidade para encetar um processo negocial autónomo do nacional, referindo que todas as medidas que resultassem do processo negocial no Continente seriam aplicadas na Região. Questionado pelo SPRA sobre a eventualidade de virem a ser criados novos problemas, decorrentes da aplicação das normas nacionais à Região, dadas as especificidades regionais, o Presidente do Governo comprometeu-se a analisá-los e a tratá-los, no sentido da sua resolução favorável aos docentes na Região.

 

Face ao exposto, o Sindicato dos Professores da Região Açores irá realizar plenários em todas as ilhas, em que serão dadas explicações do processo negocial entre a FENPROF e o Governo da República, auscultados os docentes sobre formas de luta nacionais e, eventualmente, regionais.

 

A Direção do SPRA. 21 de novembro de 2017